Descobertos novos lotes falsificados de Soliris


Atenção, pacientes e profissionais de saúde! Foram identificados em circulação no país novos lotes falsificados do medicamento Soliris (eculizumabe), indicado para o tratamento de adultos e crianças com hemoglobinúria paroxística noturna (HPN) e síndrome hemolítico-urêmica atípica (SHUa), doenças raras que afetam o sistema sanguíneo e os rins.

Em junho foram detectados frascos falsificados de Soliris com número de lote 1003254.

A falsificação foi descoberta a partir de uma ação de fiscalização sanitária realizada pela Anvisa na cidade de São Paulo, em parceria com a Coordenação de Vigilância Sanitária da cidade de São Paulo (Covisa) e a Polícia Civil do estado. A Agência prosseguiu com as investigações e identificou outras falsificações.

Confira os lotes falsificados e identificados de Soliris até o momento:

  • 1003254 (validade 05/2021).
  • 1000706 (validade 07/2021), cuja validade original é 06/2020.
  • 1000736 (validade 07/2022), cuja validade original é 07/2021.
  • 1000584 (validade 03/2021), com embalagens em inglês (a embalagem original é em turco).
  • 1000602 (validade 02/2021), com embalagens em inglês (a embalagem original é em italiano).

Denuncie

Caso você se depare com um desses lotes falsificados de Soliris, não utilize o medicamento e comunique o fato imediatamente à Anvisa, por meio do Anvis@atende ou do e-mail gimed@anvisa.gov.br.

Em caso de dúvidas sobre a originalidade do medicamento, entre em contato com a empresa detentora do registro no país, a Alexion Pharma Brasil, por meio do Serviço de Atendimento ao Cliente (+55 11 0800 7725007).

Fonte: Anvisa

Está difícil transmitir pro SNGPC?

Comece agora a transmitir sua dispensação de medicamentos controlados com mais facilidade, segurança e rapidez através do SNGPC One!

← Post anterior

Post seguinte →

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Cadastre-se e receba mais conteúdo grátis